Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
14 de agosto de 2019, 15h23

Preterido por Macri após primárias na Argentina, Bolsonaro diz que “bandidos de esquerda” estão voltando

Em visita ao Piauí, o presidente voltou a atacar Alberto Fernández e Cristina Kirchner, vencedores das primárias argentinas

Foto: Arquivo/PR

Jair Bolsonaro foi ao ataque novamente contra a oposição argentina. O brasileiro sempre se definiu como amigo do atual presidente, Mauricio Macri, porém, vê o antigo aliado se descolar dele, em função do péssimo resultado nas prévias do último domingo (11).

Mesmo assim, Bolsonaro declarou, nesta quarta-feira (14), em visita a Parnaíba, no Piauí, que “bandidos de esquerda” estão voltando ao poder na Argentina. Ele se referiu a Alberto Fernández e Cristina Kirchner, respectivamente candidatos e presidente e vice na chapa vencedora das primárias.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo.

“Olha o que está acontecendo com a Argentina agora. A Argentina está mergulhando no caos. A Argentina começa a trilhar o rumo da Venezuela, porque, nas primárias, bandidos de esquerda começaram a voltar ao poder”, disse.

“Turma vermelha”

Bolsonaro afirmou, ainda, que vai trabalhar para “varrer a turma vermelha” do Brasil e derrotar “a corrupção e o comunismo” nas eleições de 2022.

Ele discursou de uma sacada do aeroporto para apoiadores, que gritavam “fora PT” e “a nossa bandeira jamais será vermelha”.

Na sequência, foi para o centro da cidade inaugurar uma escola do Sesc que se chamará Escola Presidente Jair Messias Bolsonaro.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum