Fórumcast, o podcast da Fórum
19 de setembro de 2019, 09h10

Rede de whatsapp para propagar fake news pró-Bolsonaro continua ativa, diz estudo

Coletivos de ativistas em parceria com o Uol analisaram 1.690 linhas telefônicas nacionais e internacionais, contas e grupos de WhatsApp usados nas eleições. Dessas, 1.355 continuam ativas

Bolsonaro e o filho, Carlos (Reprodução/Flickr)

Uma análise feita por Eduardo Militão e Aiuri Rebello, do portal Uol, em parceria com os coletivos de ativistas digitais Programadores Brasileiros pela Pluralidade e Democracia e Hackers pela Democracia, concluiu que pelo menos 80% da rede de whatsapp construída durante a campanha eleitoral de 2018 para propagar fake news em favor de Jair Bolsonaro continuam ativas.

INSCREVA-SE para receber conteúdos exclusivos da entrevista do Rovai com o presidente Lula

Foram analisadas 1.690 linhas telefônicas nacionais e internacionais, contas e grupos de WhatsApp. Dessas, 1.355 continuam ativas.

Segundo a reportagem, as contas que mais propagam informações têm características de serem robôs – os famosos bots – que são usados para disseminar as informações nos grupos. Uma das contas chegou a enviar 14 mensagens diferentes em um período de apenas 30 segundos.

Dos 1.504 números nacionais que mais enviavam fake news nos 53 grupos públicos mais ativos de apoio a Bolsonaro durante as eleições – a maioria criada e administrada por números internacionais -, 1.283 (ou 85%) seguem ativos.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum