Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
19 de agosto de 2019, 15h46

Resistência à intervenção no Cefet-RJ continua: assembleia e ato estão previstos para esta terça

“Vale destacar a resistência nessa luta, principalmente da parte dos estudantes, que emocionou muitos professores e professoras”, destaca Elika Takimoto, coordenadora de física da instituição

Foto: Divulgação

Os estudantes e professores do Centro Federal de Educação Tecnológica (Cefet) do Rio de Janeiro prometem manter a resistência contra a medida arbitrária do governo Bolsonaro de nomear um interventor para ocupar o cargo de Diretor-Geral na instituição.

Nesta terça-feira (20) está programada uma assembleia comunitária, seguida por mais um ato em protesto contra a posse de Maurício Aires Vieira, assessor do ministro da Educação, Abraham Weintraub. A indicação foge ao padrão da instituição, que escolhe seus diretores por meio de debate e eleição interna.

O Facebook silenciou a Fórum. Censura? Clique aqui e nos ajude a lutar contra isso

Nesta segunda (19), Vieira não resistiu às manifestações e deixou o local pela porta dos fundos, sem tomar posse.

Desde as primeiras horas da manhã, alunos e professores se mobilizaram para tentar evitar que Vieira assumisse a direção-geral do Cefet.

Barrado

Depois de reunião que durou cerca de meia hora, entre o interventor, um procurador do Ministério Público e Mauricio Motta, legítimo diretor eleito, o assessor de Weintraub tentou entrar na sala da direção, mas não conseguiu. Vieira foi embora, sob vaias e gritos de palavras de ordem de alunos.

“Vale destacar a resistência nessa luta, principalmente da parte dos estudantes, que emocionou muitos professores e professoras. Foi bonito. Eles estão lá até agora, ocupando a entrada da direção geral, resistindo e falando que não querem intervenção”, destaca Elika Takimoto, coordenadora de física do Cefet.

Veja o momento em que o interventor tenta ingressar na sala da direção geral, mas é impedido por alunos:


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum