Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
10 de julho de 2019, 11h21

Sobre compra de votos pela previdência, Bolsonaro diz que “parlamento está mais que consciente”

Após liberar mais de R$ 2,5 bilhões e prometer outros R$ 5,6 bi antes da votação da proposta da reforma da Previdência, Bolsonaro se justificou nas redes sociais dizendo que "no passado, como todos sabem, os métodos eram outros"

Bolsonaro em culto com a bancada evangélica na Câmara (Michel Jesus/ Câmara dos Deputados)

Após liberar mais de R$ 2,5 bi e prometer outros R$ 5,6 bi para comprar votos de deputados na tentativa de aprovação da proposta da reforma da Previdência, que deve ir a plenário nesta quarta-feira (10), Jair Bolsonaro se justificou no Twitter, dizendo que “hoje, o parlamento está mais que consciente de sua responsabilidade”.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo

“No passado, como todos sabem, os métodos eram outros. Hoje, o parlamento está mais que consciente de sua responsabilidade, do que devem ou não aprovar ou aperfeiçoar, sempre focado no bem estar de todos”, tuitou, ao comentar a repetição dos mesmos métodos sobre o que considera “a velha política”.

O “toma lá, dá cá” foi intensificado por Bolsonaro nos últimos dias para tentativa de votação da proposta da reforma da Previdência e deve abrir um rombo nos ministérios do Desenvolvimento Regional, Educação e Saúde.

Porém, o presidente já teria se comprometido a abrir um crédito suplementar para atender as demandas de deputados por recursos nas pastas, que estavam travados por falta de dinheiro.

Além dos mais de R$ 2,5 bilhões liberados nos primeiros cinco dias de julho, o governo Bolsonaro já teria prometido mais R$ 5,6 bilhões em emendas orçamentárias e ofereceu um lote extra aos congressistas. Os parlamentares, no entanto, querem mais.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum