O que o brasileiro pensa?
29 de janeiro de 2020, 06h23

TCU analisa se Bolsonaro usa dinheiro de propaganda para imobilizar críticas, em uma forma de censura

Bolsonaro pagou R$ 915 mil por quatro elogios do apresentador Ratinho, do SBT, à reforma da Previdência e tem privilegiado a TV Record, de Edir Macedo, com dinheiro de propaganda do governo. Secom, comandada por Fabio Wajngarten, é o foco da corrupção

Bolsonaro e Ratinho (Divulgação)

O Tribunal de Contas da União (TCU) vai analisar, em um capítulo à parte, a responsabilidade de Jair Bolsonaro sobre o direcionamento de verbas publicitárias para apoiadores do governo. Bolsonaro pagou R$ 915 mil por quatro elogios do apresentador Ratinho à reforma da Previdência. Outras “celebridades” do SBT e Record receberam dinheiro para fazer propaganda da reforma.

Segundo a coluna de Mônica Bergamo, na edição desta quarta-feira (29) da Folha de S.Paulo, o objetivo do TCU é investigar se Bolsonaro tem usado as verbas de publicidade para imobilizar críticas contra ele, em uma forma de censura.

Essa é a primeira vez que um presidente da República será alvo de investigação sobre atuação direta no direcionamento de verbas publicitárias do governo.

O Secretário de Comunicação, Fabio Wajngarten, está sendo investigado no TCU por direcionar os recursos da área para clientes da sua empresa, a FW Comunicação, como as TVs Record e Bandeirantes. O MPF também solicitou à Polícia Federal a abertura de um inquérito criminal para apurar suspeitas de corrupção passiva, peculato e advocacia administrativa.

Relatórios do TCU mostram que a Record, do bispo Edir Macedo, foi a que mais viu aumentar as receitas do governo federal, enquanto a Globo, “inimiga” de Bolsonaro, teve queda no repasse.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum