#Fórumcast, o podcast da Fórum
24 de agosto de 2019, 09h27

Vídeo: Em entrevista em 2016, Bolsonaro anunciava intenção de entregar Amazônia aos EUA

Exploração mineral nas terras indígenas foi usada como justificativa para indicação de Eduardo Bolsonaro à embaixada nos EUA. Mas, em entrevista há 3 anos, Bolsonaro já afirmava que a "Amazônia não é mais nossa" e que é preciso se aproximar de um "país democrático, com poderio nuclear e influência no mundo, para poder explorar com parceria essa região"

Jair Bolsonaro (Foto: Marcos Corrêa/PR)

A devastação da Amazônia em parceria com o “primeiro mundo” – subentendendo-se EUA – para exploração de minérios foi anunciada no final de julho por Jair Bolsonaro (PSL) para justificar a indicação do filho Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), uma “pessoa de confiança minha”, para a embaixada brasileira em Washington.

Se você curte o jornalismo da Fórum clique aqui. Em breve, você terá novidades que vão te colocar numa rede em que ninguém solta a mão de ninguém

“Terra riquíssima (reserva indígena Ianomami). Se junta com a Raposa Serra do Sol, é um absurdo o que temos de minerais ali. Estou procurando o primeiro mundo para explorar essas áreas em parceria e agregando valor. Por isso, eu quero uma pessoa de confiança minha na embaixada dos EUA”, disse Bolsonaro, no dia 27 de julho.

No entanto, uma entrevista para o youtuber Nando Moura em 2016 revela que a política de exploração da floresta em parceria com os EUA foi premeditada por Bolsonaro.

No vídeo, Bolsonaro afirma que a “Amazônia não é mais nossa” e que é preciso se aproximar de um “país democrático, com poderio nuclear e influência no mundo, para poder explorar com parceria essa região”.

Assista


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum