Fórumcast, o podcast da Fórum
02 de setembro de 2019, 10h12

Weintraub, Ricardo Salles e blogueiro bolsonaristas darão palestras em curso da Polícia Militar na USP

Enquanto censura palestras de Guilherme Boulos em institutos federais, Abraham Weintraub estará ao lado do colega de Meio Ambiente, Ricardo Salles, e do blogueiro bolsonarista, Alexandre Borges, em palestras na pós-graduação da Polícia Militar na Universidade de São Paulo

Alexandre Borges com os filhos de Bolsonaro, Salles e Weintraub (Montagem)

Dois pesos, duas medidas. É assim que funciona a “guerra ideológica” implantada por Jair Bolsonaro e sua horda, que se instalaram no poder. Enquanto censura palestras de Guilherme Boulos, líder do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto, em institutos federais, o ministro da Educação, Abraham Weintraub, estará ao lado do colega de Meio Ambiente, Ricardo Salles, e do blogueiro bolsonarista, Alexandre Borges, em palestras em evento da pós-graduação da Polícia Militar na Universidade de São Paulo.

Se você curte o jornalismo da Fórum clique aqui. Em breve, você terá novidades que vão te colocar numa rede em que ninguém solta a mão de ninguém

Os três falarão na próxima semana no Centro de Altos Estudos de Segurança da PM, programa de doutorado da Polícia Militar de São Paulo.

Weintraub é um dos ministros mais alinhados à doutrina de Olavo de Carvalho, que tem entre seus porta-vozes, o blogueiro Alexandre Borges, que dirige o Instituto Liberal e escreve para portais associados à extrema direita, como o Mídia Sem Máscara (fundado por Olavo de Carvalho) e o Reaçonaria (descrito como “o maior portal conservador do Brasil”).

Segundo reportagem da Folha de S.Paulo, Weintraub falará com os 30 delegados e 51 oficiais (entre majores e tenentes-coronéis) do curso sobre “tema relacionado à importância da educação nas instituições policiais”.

Já Borges abordará “possíveis reflexos das fake news e das redes sociais nas instituições públicas”.

No caso de Salles, “a pauta contemplará o tráfico de animais silvestres, as ocupações em áreas de manancial, a degradação de áreas de preservação permanente e ambiental, entre outros temas relacionados”, segundo informações divulgadas pelo jornal.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum