O que o brasileiro pensa?
31 de maio de 2020, 16h37

Boulos questiona Doria por repressão da PM contra antifascistas na Paulista

Enquanto movimentos antifascistas foram reprimidos pela corporação, bolsonaristas seguiram protestando

Foto: Reprodução/Twitter

O líder do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), Guilherme Boulos, criticou o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), em razão da postura da Polícia Militar diante dos protestos realizados na Avenida Paulista neste domingo (31). Enquanto a PM usou bombas contra os antifascistas, protegeu os bolsonaristas.

“Afagos em frente à FIESP aos bolsominions, bombas no MASP contra os antifascistas. Essa é a orientação da PM de São Paulo, João Doria?”, questionou o candidato do PSOL às eleições de 2018.

O questionamento do líder do MTST também foi feito pelo líder do PT na Câmara dos Deputados, Enio Verri (PT-PR). “Muito estranha e deve ser investigada a atitude a Polícia Militar de São Paulo que, diante de duas manifestações, decide dispersar uma das duas. Esse julgamento da PM, de quem pode e quem não pode se manifestar, deve ser levado às autoridades competentes”, tuitou.

Mesmo diante da repressão a antifascistas, o governador João Doria fez uma homenagem à PM e chamou os policiais de “heróis”. “Os policiais são heróis que serão homenageados pelo Governo de SP no Palácio dos Bandeirantes”, escreveu o governador.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum