O que o brasileiro pensa?
05 de abril de 2020, 19h31

Braga Netto, o “presidente de fato”, liga para Bolsonaro em ‘live’ e secretário dispara: “Tá com inveja”

O comentário do secretário-geral Luiz Eduardo Ramos, que vazou durante uma transmissão ao vivo do presidente com apoiadores, foi feito após as informações apuradas pela mídia internacional de que o ministro da Casa Civil, Braga Netto, é quem estaria comandando o Executivo nacional no lugar de Bolsonaro

Reprodução

Durante transmissão ao vivo que encerrou o jejum do presidente Jair Bolsonaro, o ministro da Secretaria-Geral da Presidência, general Luiz Eduardo Ramos, “deixou escapar” uma crítica ao ministro-chefe da Casa Civil, general Walter Braga Netto, que volta a expor a divisão no governo. Braga Netto é considerado “presidente operacional” para as Forças Armadas.

Ao ser avisado por um assessor que o ministro-chefe da Casa Civil estaria ligando para falar com o presidente, Ramos e Bolsonaro fizeram pouco caso. “Cancela aí, pô”, disse o ex-capitão.

O secretário, então, emendou: “Desliga aí, tá com inveja”. O assessor logo alertou que eles estavam ao vivo e Ramos, que antes ria, tentou disfarçar coçando a cabeça.

Ganhou repercussão na imprensa internacional e em veículos ligados à Defesa a posição de comando que Braga Netto vem tomando Planalto. O general teria sido “eleito” pelas Forças Armadas para dirigir o país no lugar de Bolsonaro, que seria apenas um “monarca sem poder efetivo”.

“Terrorismo”

O presidente Jair Bolsonaro voltou a minimizar o cenário do novo coronavírus no país, dizendo que quer passar uma imagem de “paz” em meio ao “terrorismo” e à “histeria”.

“Temos que pregar uma imagem de paz e não terrorismo, histeria, como foi pregado”, disse o presidente pouco antes de atacar governadores. “A gente sabe que a preocupação não é com a de salvar a vida de ninguém. A preocupação é jogada política, na maioria das vezes. Alguns se renderam a essas ações e acabaram cumprindo”, completou.

Bolsonaro voltou a dizer que se preocupa com os informais, os autônomos e os camelôs, mas ainda não iniciou o pagamento do auxílio emergencial de R$ 600 a R$ 1200 aprovado pelo Congresso.

Assista ao momento em que Ramos e Bolsonaro falam de Braga Netto, no minuto 6 da live:

– Palácio do Alvorada / domingo (05/04/2020). {2}.Resumo no youtube: https://youtu.be/lDip-ahrIMQ

Publicado por Jair Messias Bolsonaro em Domingo, 5 de abril de 2020

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum