Câmara: mães de Cazuza e de Renato Russo lançarão frente de enfrentamento ao HIV

A frente será lançada nesta terça-feira na Câmara dos Deputados e conta com mais de 200 assinaturas

Lucinha Araújo, presidente da Sociedade Viva Cazuza e mãe do cantor Cazuza, e a dona Carminha Manfredini, mãe de Renato Russo, estarão presentes no lançamento da Frente Parlamentar Mista de Enfrentamento às ISTS, do HIV/AIDS e das Hepatites Virais a ser realizado na próxima terça-feira (06/08), na Câmara Federal

A coordenadora da frente, que conta com mais de 200 assinaturas de deputados e senadores, é a deputada federal Erika Kokay (PT-DF).

“O Brasil é referência mundial no enfrentamento do HIV/AIDS, mas ações do governo Bolsonaro têm colocado em risco os avanços que conquistamos ao longo das últimas décadas”, afirma a petista. “O desmonte das políticas públicas da área marcam a importância deste lançamento e da união do parlamento e da sociedade em prol de ações que visem conter os retrocessos”, completa.

Atualmente, especialistas e parlamentares têm manifestado preocupação com o desmonte da Política de HIV e Aids no Brasil, promovida pelo governo Bolsonaro.

Desmonte na política de combate ao HIV

No início de junho parlamentares acionaram a Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão (PFDC), do Ministério Público Federal (MPF), pedindo providências em relação ao decreto 9795 de 2019 que muda a estrutura do Ministério da Saúde.

“Aparentemente parece apenas se tratar de um ato administrativo normal de governo. Ocorre que o referido Decreto altera a estrutura do Ministério da Saúde de modo a inviabilizar o direito à saúde de população vulnerável”, dizem os deputados no texto do documento.

A representação é fundamentada em posicionamento da Associação Brasileira Interdisciplinar de AIDS/Observatório Nacional de Políticas de AIDS (ABIA). A ABIA sustenta que a renomeação do antigo Departamento de Vigilância, Prevenção e Controle das ISTs do HIV/AIDS para Departamento de Doenças de Condições Crônicas e IST, é um erro grave.

Segundo a ABIA, a nova estrutura não irá promover maior integração entre as áreas no novo Departamento, ao afirmar que as patologias ali reunidas (verminoses ao lado de infecções virais- como HIV e Hepatites) possuem diferenças significativas no que se refere a formas de transmissão, escalas de impacto e populações diretamente afetadas.

Avatar de George Marques

George Marques

Jornalista e Relações Públicas pela Faculdade JK de Brasília. É também especialista em comunicação pública e comunicação política no legislativo, tendo já sido indicado ao Prêmio Comunique-se de Jornalismo Político. Já trabalhou na cobertura de política para o site The Intercept Brasil e Metrópoles. É colunista da Fórum.

Em 2021, escolha a Fórum.

Todos os dias Fórum publica de 80 a 100 matérias desde às 6h da manhã até à meia-noite. São 18h de textos inéditos feitos pela equipe de 10 jornalistas da redação e também por mais de três dezenas de colaboradores eventuais.

E ainda temos 3 programas diários no YouTube. O Fórum Café, com Cris Coghi e Plínio Teodoro, o Fórum Onze e Meia, com Dri Delorenzo e este editor, e o Jornal da Fórum, com Cynara Menezes. Além de vários outros programas semanais, como o Fórum Sindical, apresentado pela Maria Frô.

Tudo envolve custos. E é uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar neste ano, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

É fácil. Clique em apoiar e escolha a melhor forma de escolher a Fórum em 2021.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR