terça-feira, 29 set 2020
Publicidade

Carlos Bolsonaro diz que suicídio de empresário em evento com ministro mostra “mais uma falha de segurança”

Carlos Bolsonaro (PSC/RJ) afirmou em seu twitter nesta quinta-feira que o suicídio do empresário Sadi Gitz com uma arma, em evento com a presença do ministro de Minas e Energia, Bento Costa Lima e Leite, mostra “mais uma falha de segurança”.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo

“Seria bom a segurança do Presidente ficar mais atenta”, tuitou o filho de Jair Bolsonaro, que vem atacando a gestão do general Augusto Heleno frente ao Gabinete de Segurança Institucional da Presidência.

Minutos antes, o filho de Bolsonaro disse que suas críticas querem “apenas um país melhor e um pai vivo”. Na publicação, o vereador chama o Brasil de “destroçada nação” e diz que “política não é nada perto do que acredito”.

“Quando o sistema ataca com narrativa descontextualizada, só fico mais certo que continuarei. Política não é nada perto do que acredito! Quero apenas um país melhor e um pai vivo, que se meteu nessa porcaria por acreditar que dá para mudar os rumos desta destroçada nação!”, tuitou.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.