Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
24 de janeiro de 2020, 07h08

Chateado, Moro estaria arrumando as gavetas para deixar o governo

Ex-juiz da Lava Jato, que embarcou na política sob as bençãos da Bolsonaro, que ajudou a eleger, Sergio Moro está "bastante decepcionado" com os golpes desferidos pelo presidente

Bolsonaro e Sergio Moro (Foto: Marcos Corrêa/PR)

Parece que, desta vez, não terá choro. Alvo de um golpe dentro do próprio governo, com Jair Bolsonaro articulando recriar a pasta de Segurança Pública para tirar seus poderes na pré-campanha ao Planalto em 2022, Sergio Moro teria confidenciado a pessoas próximas que está chateado e arrumando as gavetas, caso os planos do chefe para ele se concretizem.

A informação que Moro deve deixar o governo caso Bolsonaro realmente divida seu “super ministério” foi antecipada na noite desta quinta-feira (24) pelo Jornal Nacional, que tem relações íntimas com o ex-juiz. Nesta sexta-feira (25), Mônica Bergamo, na Folha de S.Paulo, confirmou a informação, atribuindo a pessoas próximas ao ministro.

JN
Resgatando postagem feita pelo ex-capitão no Twitter e uma nota publicada por Moro logo que aceitou o convite para ser ministro, o JN expôs a contradição do presidente, que havia dito que o ex-juiz federal não sabia que assumiria o “superministério”. Em entrevista dada em novembro de 2018, Bolsonaro ainda falou que pretendia que Moro assumisse até mesmo parte do Coaf.

Segundo a repórter Delis Ortiz, o ministro disse a interlocutores que “está bastante decepcionado” e que irá sair do governo caso se confirme diluição da pasta. A jornalista ainda ressaltou que aliados de Moro entendem a medida como uma forma de retaliar o ex-juiz por seguir na frente de Bolsonaro nas pesquisas de opinião, apesar de acumular derrotas em Brasília.

Em conversa com secretários estaduais de Segurança Pública, Bolsonaro afirmou estar estudando a recriação de um ministério específico sobre a questão. Segundo informação trazida pelo editor da Fórum, Renato Rovai, em seu blogue, Bolsonaro não engoliu a forma como Moro se apresentou no Roda Viva. Ele teria armado a inclusão do polêmico ponto na pauta da reunião.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum