Fórumcast, o podcast da Fórum
20 de setembro de 2018, 23h38

Ciro e Haddad travam primeiro embate “entre amigos”

No Debate Aparecida, Ciro elogiou as propostas de Haddad para a questão tributária mas anunciou que daria uma "pinicada": "Por que razão a sociedade deveria acreditar em tão boas ideias se o PT não fez em 14 anos de governo?"; o petista rebateu: "O Lula fez a maior reforma tributária às avessas da história: colocou o pobre no orçamento"

Reprodução

Disputando uma parte dos votos do campo progressista, os candidatos Fernando Haddad (PT) e Ciro Gomes (PDT) travaram um embate “entre amigos” no debate da TV Aparecida e CNBB na noite desta quinta-feira (20).

Entre um “meu amigo” e outro, Ciro perguntou quais são as propostas de Haddad para a questão tributária. O petista expôs, então, suas ideias de diminuir a carga tributária sobre o consumo e taxar patrimônio e heranças. O pedetista, então, anunciou, mais uma vez entre um “meu amigo” e outro, que daria uma “pinicada” no candidato do PT.

“Por que razão a sociedade deveria acreditar nessas tão boas ideias, que estão defendidas em um livro que escrevi, se o PT em quatorze anos de governo não o fez?”.

Foi a vez de Haddad, então, de dar uma “pinicada” em Ciro. “O Lula fez uma das maiores reformas tributárias às avessas na historia do país, que foi colocar o pobre no orçamento pela primeira vez. Há a questão da receita, e essa realmente não foi fortemente alterada, mas há a despesa, e a despesa o Ciro esquece fortemente. Foi pelo lado da despesa que fizemos todos os programas sociais que revolucionaram o Brasil. Bolsa Família, ProUni, Luz Para Todos… Tudo isso foi produto da boa gestão do Orçamento Público”.

Assista ao debate ao vivo aqui.


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum