Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
15 de abril de 2019, 11h28

Com Bolsonaro, gasto com publicidade aumenta e Record, de Edir Macedo, supera Globo

Nos primeiros 3 meses de 2019, emissora do bispo da Igreja Universal do Reino de Deus ganhou 8 vezes mais dinheiro do governo na comparação com 2018

Bolsonaro e Edir Macedo, o campeão de verbas de publicidade (Foto: Montagem)

Reportagem de Leandro Prazeres para o UOL, nesta segunda-feira (15), revela o aumento de 63% de gastos com publicidade nos três primeiros meses do governo Jair Bolsonaro (PSL), em comparação com o mesmo período de 2018. O Grupo Record, de Edir Macedo, foi o que mais recebeu dinheiro, passando a Globo, que perdeu também para o SBT, de Silvio Santos.

Em ao menos dois anos, é a primeira vez que ocorre essa inversão. No primeiro trimestre do ano passado, os veículos da família Marinho faturaram R$ 5,93 milhões, contra R$ 1,3 milhão da Record e R$ 1,1 do SBT.

O faturamento da emissora de Edir Macedo, em 2019, chegou a 10,3 milhões. O SBT ficou R$ 7,3 milhões e a Globo, com R$ 7,07.

O montante gasto pelo governo Bolsonaro chegou a R$ 75,5 milhões de janeiro a março. No mesmo período de 2018, o valor totalizou 44,5 milhões.

Ao UOL, a Secretaria Especial de Comunicação (Secom) do Palácio do Planalto alegou que os pagamentos feitos no primeiro trimestre são referentes a despesas contratadas na gestão do ex-presidente Michel Temer (MDB) e que Jair Bolsonaro autorizou, até agora, o gasto de R$ 12 milhões referentes à campanha publicitária da reforma da Previdência.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum