Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
02 de abril de 2018, 16h42

Coordenador da Diversidade de Marcelo Crivella é alvo de emboscada

O carro foi alvejado por seis disparos de arma de fogo quando deixava um bar da Zona Norte da capital fluminense

Por Rio 247

O coordenador Especial da Diversidade Sexual da Prefeitura do Rio de Janeiro, Nélio Georgini, foi perseguido e teve o carro alvejado por disparos de arma de fogo quando deixava um bar da Zona Norte da capital fluminense.

Segundo Georgini dois motoqueiros armados seguiram o seu carro – onde também estavam o marido e os pais do coordenador – logo após ele deixar o tradicional bar Adonis por volta das 14h30 deste domingo (1).

“Acredito que fomos seguidos do restaurante até o Bairro do Rocha, onde fui deixar meus pais em casa” relatou. “Eles estavam usando capacetes e apontaram às armas para o meu carro, fugimos pela Rua Ana Nery quando os motoqueiros emparelharam o carro e dispararam seis tiros”, disse Georgini.

Apesar dos criminosos terem disparado seis vezes contra o veículo, segundo Georgini, ninguém ficou ferido no atentado ao coordenador.

Sobre o assunto, Nélio Georgini postou em sua conta no Facebook:

“DISPAROS!!!Que cidade é essa!! Partida!! Acabamos de ser perseguidos!! Quase levamos tiros!! Aonde está essa intervenção de maquiagem!! Só Deus para nos salvar! E, lavem a boca quem acusar o município!! Chegamos a esse caos que acabamos de ver a morte de perto graças aos votos de anos a um governo que silenciou todos pagando com a conveniência de todos!! Eis o resultado: Motoqueiros com arma em punho e cidadãos de bem em fuga!! APAVORADOS! Seríamos outros para estatística de uma cidade roubada, acabada que vive da maquiagem de uma intervenção que até agora nem mosca prendeu! Não há um militar na zona norte! #foraTODOS

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum