Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
26 de janeiro de 2020, 11h30

Damares: “Se provarem que vagina de menina de 12 anos está pronta para ser possuída, paro de falar”

Ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos nega que suas convicções religiosas interfiram na campanha de abstinência sexual

A ministra Damares Alves -Foto: Alessandro Dantas

Para defender sua campanha de abstinência sexual entre adolescentes, Damares Alves, ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, desmente que suas convicções religiosas interfiram na medida adotada por sua pasta.

“O argumento que eu estou buscando é: uma menina de 12 anos não está pronta para ser possuída. Se vocês me provarem, cientificamente, que o canal de vagina de uma menina de 12 anos está pronto para ser possuído todo dia por um homem, eu paro agora de falar. É uma demanda da família”, disse ela, de acordo com informações da coluna Painel, da Folha de S. Paulo.

Nota técnica

O ministério, comandado por Damares, divulgou uma nota técnica, com o objetivo de criar diretrizes para a campanha de prevenção da gravidez na adolescência que o governo vai lançar em 3 de fevereiro.

A nota diz que o início precoce da vida sexual leva a “comportamentos antissociais ou delinquentes” e “afastamento dos pais, escola e fé”, entre outras consequências.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum