sábado, 19 set 2020
Publicidade

Datafolha: Primeiro ano de governo Bolsonaro tem queda de apoio à democracia

Pesquisa Datafolha divulgada nesta quarta-feira (1º) revelou que o primeiro ano de governo de Jair Bolsonaro foi marcado por uma queda no apoio à democracia, saindo de 69% em outubro de 2018, época das eleições, para 62%. Em paralelo, cresceu de 13% para 22% a parcela dos brasileiros que não se importam se governo é uma ditadura ou democracia.

Apesar do presidente pregar uma boa imagem do regime militar, frequentemente homenageando ditadores, permaneceu estável em 12% a parcela da população que diz ser preferível uma ditadura em certas circunstâncias, sendo que este percentual pouco varia conforme a avaliação que se faz de Bolsonaro.

A pesquisa também questionou se há alguma chance de haver uma nova ditadura no Brasil. O levantamento indica que cresceu a parcela dos que negam a possibilidade de isso acontecer: para 49%, não há nenhuma chance de uma nova ditadura no país. Em outubro de 2018, na semana do primeiro turno da eleição, eram 42%.

Vem crescendo, desde 2014, a quantidade de pessoas que afirmam que o regime deixou um saldo negativo no Brasil. Eram 46% naquele ano, 51% em 2018 e agora são 59%. No entanto, a percentagem de pessoas que avaliam como positivo o legado da ditadura cresceu, mas em ritmo menor: 22% para 32% em 2018 e agora oscilando para 30%.

 

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.