Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
09 de setembro de 2019, 13h04

Delação de Léo Pinheiro aponta que Rodrigo Maia recebeu R$ 1 milhão para apresentar emenda da OAS

Ex-presidente da empresa disse que o deputado apresentou emenda parlamentar redigida pela própria empreiteira, que tinha interesse em concessões para explorar aeroportos

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

Um dos trechos da delação premiada de Léo Pinheiro, ex-presidente da OAS, aponta que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), apresentou uma emenda parlamentar redigida pela própria empresa, que defendia os interesses da empreiteira em uma medida provisória (MP), de acordo com informações do Blog de Bela Megale, em O Globo.

Pinheiro declarou que pagou R$ 1 milhão a Maia por sua atuação, por intermédio de doações oficiais à campanha eleitoral de 2014 de seu pai, Cesar Maia (DEM), ao Senado Federal.

Se você curte o jornalismo da Fórum clique aqui. Em breve, você terá novidades que vão te colocar numa rede em que ninguém solta a mão de ninguém

A OAS, ainda segundo Pinheiro, tinha interesse em concessões para explorar aeroportos. A emenda proposta por Maia e feita pela empreiteira, conforme delação premiada, dizia que “qualquer aeroporto privado deverá ter isonomia de impostos e taxas com aeroportos concorrentes”, o que beneficiaria a OAS.

Equiparação

O presidente da Câmara alegou que a emenda “foi motivada exclusivamente pela sua compreensão da importância de se equiparar as tarifas praticadas no setor na hipótese de aprovação da modalidade de aeroportos privados, evitando que um modelo tivesse vantagens em relação a outro”.

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum