Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
10 de dezembro de 2019, 08h39

Deltan Dallagnol tem 23 denúncias no CNMP e pode enfrentar processo disciplinar

Em uma deles, Renan Calheiros acusa o procurador de ter exercido atividade político-partidária, o que é vedado a membros do MP

Foto: Reprodução/YouTube

O procurador-geral da República, Augusto Aras, deve levar à votação do plenário nesta terça (10) duas acusações contra o procurador Deltan Dallagnol no CNMP (Conselho Nacional do Ministério Público).

Já foram apresentadas 23 denúncias contra Dallagnol no CNMP. O procurador, até agora, sofreu apenas uma advertência. Três das ações contra ele correm sob sigilo.

Não é sócio Fórum? Quer ganhar 3 livros? Então clica aqui.

Uma das que Aras apresenta tem todas as chances de seguir adiante.

Atividade político-partidária

O senador Renan Calheiros (MDB-AL) acusa o procurador de ter exercido atividade político-partidária, o que é vedado a membros do MP.

Em janeiro, em uma série de posts em sua conta no Twitter, Dallagnol se posicionou contra a eleição de Calheiros para a presidência do Senado. O procurador escreveu, por exemplo, que caso o emedebista fosse eleito “dificilmente veremos reforma contra corrupção aprovada”.

Nos posts, o procurador pediu ainda a seus seguidores que fizessem campanha pelo voto aberto, de modo a constranger os senadores a não votarem em Calheiros. Ao final, após uma longa e conturbada sessão, a votação acabou sendo fechada, mas o senador alagoano perdeu a eleição para o senador Davi Alcolumbre (DEM-AP).

De acordo com a coluna de Mônica Bergamo, a outra ação apresentada pela senadora Katia Abreu (PDT-TO), deve ser arquivada —a maioria dos conselheiros já votou a favor de Dallagnol. Já a representação do senador Renan Calheiros (MDB-AL) tem votos suficientes para seguir adiante.

Com informações da Exame

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum