Fórumcast, o podcast da Fórum
14 de fevereiro de 2019, 17h26

Deputado bolsonarista sugere que Fórum faça o trabalho que já foi feito

Daniel Silveira respondeu tuíte de jornalista da Fórum, sugerindo à reportagem a leitura da íntegra dos projetos que preveem a doação compulsória de órgãos e tecidos, sem observar que os links das proposições estavam disponíveis no texto

Foto: Reprodução/Facebook

O deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ), apoiador de Jair Bolsonaro e que ficou famoso ao destruir placa em homenagem à Marielle Franco, respondeu tuíte de jornalista da Fórum sobre dois projetos de lei apresentados por ele na Câmara, que preveem a doação compulsória de órgãos e tecidos, em caso de mortos em confrontos com agentes de segurança ou de cadáveres com indício de morte criminosa.

“E para saber se ‘isso que você leu’ está inteiramente alinhado com a veracidade, leia a íntegra das proposições disponíveis na minha página oficial, bem como no site da câmara, ou pelo menos o release de minha assessoria de imprensa”.

No entanto, Silveira demonstrou que não está bem informado ou que, sequer, se deu ao trabalho de abrir a matéria, ler e observar que os links com as íntegras das propostas estão no texto para que os leitores possam acessá-los.

Acompanhem os tuítes:

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum