Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
18 de outubro de 2018, 13h54

Deputado do PT diz que 156 empresários estão envolvidos no escândalo #caixa2doBolsonaro

"As pessoas vão ser chamadas a depor. Ele deixou rastro e nós vamos atrás”, afirmou o deputado reeleito Paulo Teixeira (PT/SP)

Foto Fernando Frazão/Agencia Brasil

O deputado federal reeleito Paulo Teixeira (PT/SP) afirmou em sua conta no Twitter que 156 empresários estão envolvidos no pagamento de empresas para divulgar fake news para a candidatura de Jair Bolsonaro (PSL). “Temos a informação de que 156 empresários estão envolvidos nesse escândalo. As pessoas vão ser chamadas a depor. Ele deixou rastro e nós vamos atrás”, afirmou o petista, que é formado em Direito.

Reportagem de Patrícia Campos Mello, na Folha de S.Paulo desta quinta-feira (18), que revela que um grupo de empresários – entre eles Luciano Hang, dono da Havan – está contratanto empresas para disparar fake news contra o PT para beneficiar a campanha de Bolsonaro está provocando uma avalanche de representações na Justiça contra a candidatura do capitão da reserva.

Fernando Haddad (PT), candidato à Presidência da República, afirmou pelo Twitter que vai pedir a abertura de investigação sobre o suposto caixa 2 usado por Jair Bolsonaro (PSL) para financiar a disseminação de fake news pelo Whatsapp. Um grupo de juristas pela democracia também já está trabalhando em um processo. Pelas redes sociais, o deputado Jean Wyllys (PSol/RJ) afirmou que já protocolou representação junto ao TSE. O PDT, de Ciro Gomes, também deve pedir a impugnação da candidatura de Bolsonaro na Justiça Eleitoral.

Diretor do Datafolha, Mauro Paulino disse nas redes sociais que a avalanche de fake news comprada para Bolsonaro pode ter alterado os resultados do primeiro turno das eleições.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum