Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
22 de outubro de 2019, 11h29

Destituído da liderança, Delegado Waldir diz que Bolsonaro é marionete dos filhos

"Ninguém é mais forte neste governo do que os filhos do presidente", disse o deputado

Reprodução

O deputado Delegado Waldir (PSL-GO), destituído do cargo de líder do governo da Câmara, criticou nesta terça-feira (22) a influência dos filhos do presidente Jair Bolsonaro (PSL) no governo. Waldir também disse que está disposto a negociar a indicação de um terceiro nome para assumir a liderança, que foi transferida a Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) nesta segunda (21).

Waldir aproveitou para criticar o ministro da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos, responsável pela articulação política. Ramos chegou a tentar intermediar a crise instalada no partido, mas não obteve sucesso.

“Ele [Ramos] é enfraquecido, sem poder de decisão. Fala uma coisa, faz outra. Ninguém é mais forte neste governo do que os filhos do presidente. O presidente é uma marionete. Os filhos estão governando”, disse Waldir, de acordo com reportagem de Bruno Góes e Naira Trindade, do O Globo.

Para o deputado, nesta segunda houve uma quebra do acordo para escolha de um terceiro para a liderança do governo. “Nós nos surpreendemos, e eu pessoalmente me surpreendi, quando foi protocolada uma nova lista. Então é sinal que o grupo que está sob a liderança do Eduardo Bolsonaro não quer trégua, não quer diálogo”, acrescentou.

A ala bivarista do PSL se reúne nesta terça para tratar do processo disciplinar contra 19 deputados e discutir a possível destituição do comando de Eduardo Bolsonaro. “A gente já estava construindo um terceiro nome”, confirmou.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum