Fórumcast #20
06 de setembro de 2017, 08h43

Dilma em resposta a Janot: “Não há mais espaço para a justiça do inimigo”

A presidenta deposta Dilma Roussef respondeu através de nota a Rodrigo Janot: “A Justiça será feita e não prevalecerá o Estado de Exceção.

A presidenta deposta Dilma Roussef respondeu através de nota a Rodrigo Janot: “A Justiça será feita e não prevalecerá o Estado de Exceção.

Da Redação*

A presidenta deposta Dilma Roussef respondeu, através da sua assessoria de imprensa, à denúncia do Procurador Geral da República Rodrigo Janot de que é acusada de “integrar organização criminosa” na Petrobrás: “A Justiça será feita e não prevalecerá o Estado de Exceção. Não há mais espaço para a Justiça do Inimigo”. Leia a nota na íntegra abaixo:

NOTA À IMPRENSA

Sobre a denúncia apresentada pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, a Assessoria de Imprensa da presidenta eleita Dilma Rousseff esclarece.

1. Sem apresentar provas ou indícios da materialidade de crime, o chefe do Ministério Público Federal oferece denúncia ao Supremo Tribunal Federal sem qualquer fundamento.

2. Caberá ao STF garantir o amplo direito de defesa e reparar a verdade, rejeitando-a.

3. A Justiça será feita e não prevalecerá o Estado de Exceção. Não há mais espaço para a Justiça do Inimigo.

ASSESSORIA DE IMPRENSA
DILMA ROUSSEFF

Veja também:  Vaza Jato: Deltan e Moro fizeram lobby por novo PGR junto a Bolsonaro durante as eleições

Foto: Roberto Parizotti/ CUT


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum