segunda-feira, 21 set 2020
Publicidade

Dinastia Bolsonaro: Filho “04” do presidente diz que pode entrar para a política

Renan Bolsonaro já vem frequentando o Planalto através de reuniões com o secretário da Cultura, Mário Frias, e pode em breve ser o quarto membro do clã a ocupar um espaço na política

O presidente Jair Bolsonaro pode, em breve, ter seus quatro filhos na política. Nesta sexta-feira (11), o filho “04” do capitão da reserva, Jair Renan, sinalizou em resposta a um seguidor do Instagram que pode se aventurar na área do pai e de seus três irmãos mais velhos.

“Talvez”, disse o caçula em resposta a um seguidor que perguntou se ele entraria para a política.

Se a ideia se concretizar, serão 4 os membros do clã na política, já que Carlos Bolsonaro é vereador, Flávio é senador e Eduardo deputado federal. O último, inclusive, é apontado por interlocutores como um possível “herdeiro” do pai na presidência, na tentativa de formar uma espécia de dinastia à brasileira.

Renan já frequenta o Planalto

O filho 04 do presidente Jair Bolsonaro, Jair Renan, tem posado em Brasília como autoridade sobre jogos eletrônicos. Renan já debateu sobre o assunto com o Secretário Especial de Cultura, Mário Frias, e o ator Thiago Gagliasso, apoiador do presidente.

Frias publicou uma foto, no final de agosto, ao lado de Jair Renan apontando que os dois tiveram uma reunião sobre jogoas eletrônicos. “Reunião com @bolsonaro_jr sobre o futuro dos E-games”, dizia a descrição.

O encontro foi celebrado por Thiago Gagliasso, que também se encontrou com o filho do presidente. “Uma grata surpresa conhecer tuas ideias Jair Renan o mundo digital ja faz parte da Cultura Brasileira e economia criativa, não é somente o futuro, é o presente”, escreveu o irmão do ator Bruno Gagliasso.

Apesar da pose, o filho do presidente chegou a ser expulso de rede social de streaming de videogames, o Twitch. Em maio, Jair Renan foi banido por debochar da pandemia do novo coronavírus e atacar minorias.

Ivan Longo
Ivan Longo
Jornalista e repórter especial da Revista Fórum.