Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
04 de outubro de 2018, 10h34

Direito de resposta de Suplicy com sua atuação no Senado ocupa quase todo o programa de Tripoli

Tripoli afirmou que Suplicy não fez nada enquanto Senador. Viu seu último programa ser todo tomado pelas realizações do adversário

O Direito de Resposta de Suplicy. Foto: Reprodução

O candidato tucano ao Senado, Ricardo Tripoli, viu o seu tempo de TV no último programa eleitoral, que foi ao ar nesta quarta-feira (4), ser reduzido a poucos segundos. O fato se deu por conta de um direito de resposta concedido pela Justiça Eleitoral a Eduardo Suplicy (PT), acusado pelo seu adversário de não ter feito nada enquanto foi Senador.

De acordo com a resposta, “Suplicy foi vítima de ofensas e difamações feitas pelo candidato Ricardo Trípoli sobre a atuação dele como senador e seu compromisso maior com o estado de São Paulo”.

O tiro no pé fez com que Suplicy abarrotasse o programa do adversário com a sua atuação nos 24 anos em que foi senador, que é respeitada inclusive por seus adversários. De acordo com a resposta, “Suplicy fiscalizou com rigor o Executivo, denunciando irregularidades e exigindo apuração. Batalhou por uma distribuição mais justa de recursos, e conseguiu R$ 40 bilhões para investimentos no estado, e R$ 50 bi para a cidade de São Paulo”.

A resposta diz ainda que “Suplicy esteve presente em 98% das sessões, fez 3 mil pronunciamentos, apresentou 806 proposições e participou de 16 CPIs”.

Ao final, em seu direito de resposta, o candidato petista afirma que “quer ser senador para fazer muito mais”.

Além de ir ao ar no último programa de TV dos candidatos ao Senado, a resposta também foi publicada nos perfis oficiais de Tripoli no Twitter e no Facebook, conforme pode ser visto abaixo.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum