Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
17 de outubro de 2018, 10h24

Diretor do Datafolha anuncia nova rodada e responde a general: “Pesquisas só são ameaçadas em regimes ditatoriais”

O general Paulo Chagas tuitou: “Se, nos próximos dias, houver mudança nas pesquisas, teremos que pôr as barbas de molho. Será o prenúncio da fraude”

O diretor do Datafolha, Mauro Paulino, anunciou uma nova rodada do instituto para a próxima quinta-feira (18) e, ao mesmo tempo, respondeu, em sua página do Facebook, as declarações do general Paulo Chagas. O general afirmou: “se houver mudanças nas pesquisas, teremos que por as barbas de molho”.

Paulino escreveu, ao compartilhar o post do general, que “pesquisas representam a opinião pública e só são ameaçadas em regimes ditatoriais, de extrema direita ou extrema esquerda. Governos democráticos são obrigados a conviver com o crivo da opinião pública”.

Foto: Reprodução Facebook

SEM VERGONHA

O DATAFOLHA divulgará sua pesquisa na próxima quinta-feira com a mesma isenção e rigor técnico de sempre. Pesquisas representam a opinião pública e só são ameaçadas em regimes ditatoriais, de extrema direita ou extrema esquerda. Governos democráticos são obrigados a conviver com o crivo da opinião pública.

Como lembra Alessandro Janoni: Não é pelo valor simbólico da declaração, mas sim pelo que “barbas de molho” significa.

O general Paulo Chagas fez postagem em sua conta do Twitter no último fim de semana em tom de ameaça:

Se, nos próximos dias, houver mudança nas pesquisas, teremos que por as barbas de molho. Será o prenúncio da fraude. A opinião pública não muda de uma hora para outra, assim como um ateu não se converte ao Catolicismo e, num átimo, se transforma em um papa-hóstias!”, escreveu o general, que é um ferrenho defensor e aliado de Jair Bolsonaro (PSL).


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum