Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
21 de agosto de 2019, 08h32

Doria volta a criticar Bolsonaro e diz que jamais nomearia o filho para embaixada

O governador declarou, também, que o presidente é uma ameaça ao agronegócio brasileiro. “No caso da Comunidade Europeia posso afirmar que a reação foi muito forte”

João Doria e Jair Bolsonaro (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Antigo aliado, o governador de São Paulo, João Doria (PSDB) voltou a criticar Jair Bolsonaro. Em entrevista ao blog de Josias de Souza, no UOL, o tucano disse: “Eu jamais nomearia meu filho nem ninguém da minha família para nenhuma função pública, ainda mais numa circunstância de uma embaixada que é a mais importante embaixada brasileira no exterior”, disse, em referência à indicação de Eduardo Bolsonaro para a chefia da representação diplomática do Brasil em Washington.

Doria aumentou o tom após Bolsonaro ter vazado sua compra de um jatinho, com dinheiro proveniente de financiamento do BNDES.

O Facebook silenciou a Fórum. Censura? Clique aqui e nos ajude a lutar contra isso

O governador declarou, também, que Bolsonaro é uma ameaça ao agronegócio brasileiro. “No caso da Comunidade Europeia posso afirmar que a reação foi muito forte. E pode colocar em prejuízo o agronegócio brasileiro. Se não houver uma mudança de discurso, esse risco é real”.

Além disso, também afirmou que os ataques do presidente a Alberto Fernández, candidato favorito à presidência da Argentina, são negativos. “A Argentina é o terceiro maior parceiro comercial do Brasil”.

Criticou, ainda, a adesão automática de Bolsonaro às posições de Donald Trump. “Ele é presidente dos Estados Unidos, não das Américas ou da América Latina, tampouco presidente do Brasil. O presidente do Brasil pode e deve a meu ver manter relações equilibradas com a China e com a América”.

Elogios

O tucano elogiou a entrada de Alexandre Frota no PSDB e falou sobre Aécio Neves. “O PSDB deu ao deputado Aécio Neves a oportunidade para que ele fosse o protagonista da sua decisão, não aquele que vai receber a decisão do partido. Sendo bem claro e objetivo: Nesse momento eu defendo que o deputado Aécio Neves se afaste do PSDB”.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum