Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
18 de abril de 2018, 13h00

Eduardo Azeredo diz que a sua provável prisão é compensação ao PT

A sua prisão poderá acontecer na próxima semana, após finalizados os recursos à condenação em segunda instância

O ex-governador de Minas e ex-presidente nacional do PSDB Eduardo Azeredo poderá ser o primeiro tucano preso pelo mensalão mineiro, e ele diz que isto acontecerá por compensação ao PT.

“Os fatos agora mostram isso. Você vê que continua desse jeito. Você tem que achar alguém para poder compensar”, disse o tucano. “Não pode ser outra coisa do que uma tentativa de compensação. Os petistas mesmo, vira e mexe, falam isso: ‘E o Eduardo Azeredo? E o Eduardo Azeredo?’”, disse ao Estadão

Azeredo declarou ainda: “Eu espero que Deus ilumine os desembargadores”, que insiste na tese de que seu processo e condenação são uma forma de compensação pela sentença de petistas no caso do mensalão e, mais recentemente, pela prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, condenado na Lava Jato.

A sua prisão poderá acontecer na próxima semana, após finalizados os recursos à condenação em segunda instância no chamado mensalão mineiro.

Os embargos infringentes, última apelação antes da execução penal após a sentença da 9.ª Câmara Criminal de Belo Horizonte, serão analisados no dia 24.

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum