Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
19 de fevereiro de 2020, 10h20

Eduardo Bolsonaro atiça milícia virtual e leva tag #RaspemOSovaco ao topo do “debate político” no Twitter

Para criar uma cortina de fumaça sobre as denúncias de relações com a milícia, clã Bolsonaro ataca com misoginia

Gleisi Hoffmann rebate Eduardo Bolsonaro na tribuna da Câmara (Luis Macedo/Câmara dos Deputados)

Baixando cada dia mais o nível no ataque à imprensa para construir uma cortina de fumaça sobre as relações do clã com grupos de milicianos, Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) deu norte da tribuna da Câmara na noite desta terça-feira (18) aos bolsonaristas para a guerra virtual nas redes com uma banana e pedindo às parlamentares que criticaram as declarações do pai contra a jornalista Patrícia Campos Mello, da Folha, rasparem “o sovaco, se não dá um mau cheiro do caramba”.

A declaração atiçou a milícia virtual que levou a tag #RaspemOSovaco ao topo dos assuntos mais comentados do Twitter nesta quarta-feira (19).

Um dos comandantes da milícia virtual de propagação de fake news, o blogueiro Allan dos Santos, iniciou a investida lançando a tag. “Bora lá: #RaspemOSovaco”, comentou na reportagem d’O Globo sobre o discurso de Eduardo.

Braço de Eduardo Bolsonaro na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp), o deputado Douglas Garcia (PSL-SP) propagou a tag, compartilhando um discurso parecido com o do filho de Jair Bolsonaro no legislativo paulista. “Bom dia! Começar o dia com a hastag #RaspemOSovaco ??? Hoje o dia grande ??”

As publicações provocaram uma reação de mulheres na rede social, que compartilharam fotos ironizando a declaração de Eduardo Bolsonaro e levantaram a tag #LavemOPinto.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum