Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
25 de fevereiro de 2020, 17h42

Eduardo Bolsonaro chama deputado de “vagabundo” por críticas à PM

Durante apresentação em bloco de Carnaval, Igor Kannário (DEM-BA) diz que policiais são "agressores" e os acusa de abuso de autoridade

Eduardo Bolsonaro - Foto: Reprodução/YouTube

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-RJ) compartilhou um vídeo em suas redes sociais nesta terça-feira (25) do deputado e cantor Igor Kannário (DEM-BA) criticando a polícia militar da Bahia em um bloco de Carnaval. Eduardo defendeu um “repúdio público” e chamou o deputado de “vagabundo”, apesar de ambos compartilharem da mesma profissão.

“E pensar que esse vagabundo que com o microfone é um deputado federal, Igor Kannario (DEM-BA). No mínimo o governador ao lado do Comandante Geral da PM da Bahia deveriam fazer um repúdio público a isso. E ainda há quem vá curtir um bloco de um cara desse…”, escreveu Eduardo no Twitter.

No vídeo, Kannário chama os policiais de “agressores” e “bunda-mole”, dizendo que os agentes abusam de seu poder e autoridade. O governador da Bahia, Rui Costa (PT), acionou a Procuradoria Geral do Estado (PGE) para que tome as medidas legais cabíveis contra o deputado. A PGE vai entrar com uma representação junto ao Ministério Público da Bahia (MP-BA), diz nota do governo.

Mais tarde, Kannário respondeu ao governador através de nota enviada à imprensa e disse que está tranquilo. “Há diversos vídeos mostrando a ação inadequada de alguns policiais, que não condizem com a maioria da Polícia Militar, não só nesse ano”, começou o deputado.

“As imagens falam por si. Reitero meu respeito pela instituição Polícia Militar e tenho certeza de que não teríamos Carnaval sem a corporação, mas ressalto novamente que não vou me calar diante dos excessos. O comportamento equivocado não deve ser normalizado, ao contrário, deve ser criticado, sim, e medidas devem ser tomadas para que não ocorram excessos contra os foliões. Inclusive, elogiei diversas vezes o tratamento de policiais na minha pipoca. E sempre vou elogiar quando o comportamento for correto”, finaliza a nota.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum