Fórumcast, o podcast da Fórum
19 de junho de 2019, 16h39

Eduardo Bolsonaro posta foto de criança com arma nas mãos e infringe o ECA

Filho do presidente ainda ironizou: “Esse vídeo provavelmente foi gravado nos EUA ou Suíça, países altamente armados. Ainda bem que estamos no Brasil e aqui além do desarmamento contamos com a proteção de nossos senadores!”

Foto: Reprodução/Youtube

O deputado federal Jair Bolsonaro (PSL-SP) postou em suas redes sociais, nesta quarta-feira (19), um vídeo em que aparece um menino, que aparenta ter menos de dez anos, segurando um rifle. O fato infringe o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

No vídeo, o garoto, enquanto segura a arma, dança e canta um funk – “Hoje é meu plantão, fé em Deus e nas crianças”.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo

O filho do presidente ironiza e escreve junto ao vídeo: “Esse vídeo provavelmente foi gravado nos EUA ou Suíça, países altamente armados. Ainda bem que estamos no Brasil e aqui além do desarmamento contamos com a proteção de nossos senadores!”.

A referência que ele faz é em relação ao que ocorreu nesta terça (18). O plenário do Senado derrubou os decretos de Bolsonaro que facilitam o porte e a posse de armas no Brasil.

Foto: Reprodução

Horas depois o parlamentar apagou a publicação.

Proibição

A postagem de Eduardo Bolsonaro infringe o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). De acordo com a legislação, é proibido “divulgar, total ou parcialmente, sem autorização devida, por qualquer meio de comunicação, nome, ato ou documento de procedimento policial, administrativo ou judicial relativo à criança ou adolescente a que se atribua ato infracional”.

O texto do ECA ainda pune “quem exibe, total ou parcialmente, fotografia de criança ou adolescente envolvido em ato infracional, ou qualquer ilustração que lhe diga respeito ou se refira a atos que lhe sejam atribuídos, de forma a permitir sua identificação, direta ou indiretamente”. A pena é uma multa que vai de três a vinte salários de referência.

Com informações da Folha de S.Paulo


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum