Fórumcast, o podcast da Fórum
17 de março de 2019, 09h43

Eduardo Bolsonaro vai ao Estados Unidos e fala mal de brasileiros

Deputado federal participou de um evento em Washington em que disse que brasileiros ilegais no exterior são "vergonha"; ele ainda defendeu que os Estados Unidos continuem exigindo visto de brasileiros, mesmo que o Brasil isente os norte-americanos

Foto: Paola de Orte/Agência Brasil

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente Jair Bolsonaro, participou de um evento em Washington, nos Estados Unidos, na noite deste sábado (16), em que falou mal de brasileiros que vivem em situação irregular no exterior.

Para o parlamentar, que é presidente da Comissão de Relações Exteriores da Câmara, os EUA não devem isentar cidadãos brasileiros de visto para entrar no país, mesmo que Bolsonaro tenha anunciado que vai acabar com visto para estadunidenses entrarem no Brasil.

“Quantos americanos vão vir morar ilegalmente no Brasil, aproveitar essa brecha para entrar aqui como turista e passar a viver ilegalmente? Agora vamos fazer a pergunta contrária: se os EUA permitirem que o brasileiro entre lá sem visto, quantos brasileiros vão para os Estados Unidos se passando por turistas e vão passar a viver ilegalmente aqui? (…) Um brasileiro ilegalmente fora do país é problema do Brasil, isso é vergonha nossa, para a gente”, disse.

Leia também
Um dia após atentado, Bolsonaro usa live de 15 minutos para enaltecer parceria com os EUA

A declaração foi dada em um evento de exibição do documentário “O Jardim das Aflições”, sobre o “filósofo” Olavo de Carvalho, um dos gurus do presidente Jair Bolsonaro, que deve embarca para os EUA ainda neste domingo (17).

Na segunda-feira (18), o presidente brasileiro se encontrará com Donald Trump.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum