Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
09 de junho de 2019, 09h10

Elio Gaspari diz que Moro subiu no telhado

Colunista aponta que o ministro da Justiça está sendo "frito" pelo governo e coloca em dúvidas se o ex-juiz vai se segurar na pasta até novembro do ano que vem, quando abre uma vaga no STF

Sergio Moro (Foto: Divulgação/ Ministério da Justiça)

Já há alguns meses que analistas políticos vêm avaliando que o ministro da Justiça, Sérgio Moro, não durará no cargo. Sua inabilidade política, somada à falta de êxito de seu pacote anti-crime no Congresso e sua vontade explícita de se tornar ministro do Supermo Tribunal Federal (STF) são os principais aspectos que levam a esse tipo de avaliação.

Neste domingo (9), em sua coluna na Folha de S. Paulo, Elio Gaspari reforçou essa análise.

Para o jornalista, Moro está na “frigideira” do governo porque Jair Bolsonaro acreditaria que o ex-juiz é “candidato a presidente”.

Gaspari, em sua avaliação, coloca como exemplo da “fritura” de Moro o fato de o ministro não ter sido convidado para um café da manhã entre Bolsonaro, os presidentes da Câmara, do Senado e do STF e com os ministros da Casa Civil, Economia e Segurança Institucional.

“Ele ficou fora de todas as conversas sobre esse pacto em torno de sabe-se lá o quê”, pontuou o jornalista.

Em maio, em entrevista a Milton Neves, o presidente Bolsonaro afirmou que indicará Moro para a próxima vaga do STF pois teria um “compromisso” com o ex-juiz. Para Gaspari, no entanto, pode ser que o ministro da Justiça não se segure no cargo até novembro do ano que vem, quando abre a próxima vaga na Corte.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum