Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
10 de julho de 2018, 08h45

Em editorial, Estadão chama Favreto de desembargador desatinado

Em uma linguagem virulenta e pouco comum no diário paulistano, o editorial chama ainda o pedido do HC de “plano mequetrefe”

Foto: Sylvio Sirangelo/TRF4

Em editorial publicado nesta terça-feira (10) chamado “O plantonista amigo”, o Estadão fez coro à reação da grande imprensa ao Habeas Corpus concedido ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pelo desembargador Rogério Favreto. Desde as primeiras horas da tarde de domingo (8), praticamente todos os grandes veículos chamavam o desembargador de irresponsável, pediram punição a ele e o atacaram de todas as formas.

O texto do jornal da família Mesquita abre chamando o Habeas Corpus de “tentativa de membros do PT de obter ilegalmente a soltura do seu cacique Lula da Silva”, e prossegue dizendo que o mesmo “evidenciou desespero e irresponsabilidade, além de completo menosprezo pelo Estado de Direito”. Além disto, o jornal inverte os fatos e enaltece a atitude ilegal da Polícia Federal de não cumprir uma ordem judicial em “a prudência da Polícia Federal, que não deu cumprimento a uma ordem manifestamente ilegal” e ainda chama Favreto de “desembargador desatinado”.

Em uma linguagem virulenta e pouco comum no diário paulistano, o editorial chama ainda o pedido do HC de “plano mequetrefe” e acusa o desembargador de ter “o descaramento de expedir o ilegal alvará de soltura para Lula”. Logo mais à frente, o texto se refere a Favreto como “um juiz petista”.

A linguagem chula prossegue e o texto chama a concessão do HC de “malandra carteirada” e, assim como vários outros veículos, desqualifica o jurista, chamando-o de “desembargador plantonista tentando soltar réu amigo”.

Ao final, o texto inverte mais uma vez os fatos e chama o HC de “golpe” que, segundo o jornal, “teve a exata dimensão moral, política e profissional de quem o engendrou: inábil, barulhento e incompetente”, e encerra dizendo que “é preciso constante vigilância, pois sempre há aloprados dispostos a subverter o regime das leis”.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum