Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
29 de março de 2018, 16h11

Em indireta a Lula, FHC diz que violência é alimentada por “desrespeito à lei”

A declaração de FHC, embora de maneira velada, corrobora com a reação de Alckmin sobre o atentado

Em uma indireta ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) afirmou que a radicalização e os episódios de violência política no país são alimentados por declarações de desrespeito à lei.

“Está na hora de os líderes entenderem que suas palavras, principalmente as de desrespeito a decisões legais, têm consequências que podem ser ruinosas para a democracia”, afirmou o tucano à Folha.

A declaração de FHC, embora de maneira velada, corrobora com a reação do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, sobre o atentado: “Lula colhe o que planta”.

Os dois, invertendo a lógica e transformando a vítima em algoz, justificam o fascismo. O discurso de Lula não é ilegal, mas sim pretende denunciar a ilegalidade das instituições.

As informações são da Folha, que entrevistou o ex-presidente em Londres. Ele disse ser difícil opinar sobre acontecimentos recentes no Brasil, mas declarou que os ataques à caravana do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e outros conflitos acentuam a necessidade de fortalecimento das instituições.

Logo mais adiante, FHC deixa ainda mais clara a sua intenção em desmoralizar o discurso de Lula, defendendo assim as instituições que o perseguem:

“Há tempos venho alertando sobre a radicalização crescente. Ou prestigiamos as instituições e a lei, ou nos arriscamos a ver o crescimento de ‘chuvas de ovos’, ou, o que é pior, eventualmente, a ouvir tiros que podem atingir alguém”, afirmou.

Com informações da Folha


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum