Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
07 de fevereiro de 2020, 11h26

Em live, Bolsonaro volta a falar em criar Minha Primeira Empresa pra empregados que reclamam do patrão

Aquele cara que critica o patrão, vai ter a chance de ser patrão e pagar R$ 10 mil por mês para cada um no mês para seu negócio. Tranquilamente. Tá certo?", disse Bolsonaro, dando risadas irônicas

Bolsonaro em live nas redes sociais (Reprodução)

Em live na noite desta quinta-feira (6), Jair Bolsonaro voltou a falar em criar o programa “Minha Primeira Empresa” para os desempregrados que estão reclamando.

“O cidadão reclama muitas vezes da questão da falta de emprego. Ai ele resolve abrir seu negócio. Ai ele vê: opa, pra empregar no Brasil não é fácil. E eu tenho falado com o Paulo Guedes, estou atrasado. Porque eu quero ver se lanço o programa Minha Primeira Empresa. Aquele cara que critica o patrão, vai ter a chance de ser patrão e pagar R$ 10 mil por mês para cada um no mês para seu negócio. Tranquilamente. Tá certo?”, disse Bolsonaro, dando risadas.

A ideia foi lançada na segunda-feira (3) em entrevista ao pastor Silas Malafaia. Jair Bolsonaro debochou dos trabalhadores que estão desempregados, dizendo que no Brasil se tem muitos “privilégios” e, em tom irônico, disse que vai lançar o programa “minha primeira empresa” para quem reclama que não tem emprego.

“Eu tenho falado para o Paulo Guedes: Paulo lance o programa minha primeira empresa. O cara que reclama que não tem emprego, ele vai ter meios de abrir a empresa dele. Daí ele abre a empresa dele. Paga R$ 5 mil por mês para todo mundo, pra ninguém reclamar do salário e vai ser feliz. Vai dar certo, oh, Malafaia?”, indagou, sob risos irônicos junto com o pastor.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum