quinta-feira, 24 set 2020
Publicidade

Em manifestações esvaziadas pelo Brasil, direita pede extinção do STF e intervenção militar

Organizações de direita como o Movimento Brasil Livre (MBL) promoveram, ao logo deste domingo (17), dezenas de manifestações em inúmeras cidades brasileiras “em defesa da Lava Jato”. A mobilização nacional também era contra a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que direciona à Justiça Eleitoral os processos que envolvem crimes comuns ligados a crimes de caixa 2. Para os manifestantes, isso representaria o fim da Lava Jato.

A grande maioria dos protestos reuniu um número de pessoas bem menor que o esperado pelos organizadores. Esvaziadas, as manifestações reuniram pessoas que pediam, por exemplo, a extinção do STF ou ainda uma intervenção militar.

Em Curitiba o ato em defesa da Lava Jato aconteceu na região da Boca Maldita e reuniu algumas dezenas de pessoas. Entre os manifestantes, uma senhora exibia um pingente em formato de metralhadora.

Foto: Eduardo Matysiak, para a revista Fórum 

No Rio de Janeiro o ato aconteceu na praia de Copacabana e também contou com poucas pessoas.

Em São Paulo, sob chuva, cerca de 100 manifestantes declararam apoio ao procurador da Lava Jato, Deltan Dallagnol.

Foto: Roberto Parizotti

Em Brasília teve até manifestante tentando explicar o motivo pelo qual a manifestação estava esvaziada.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.