#Fórumcast, o podcast da Fórum
17 de outubro de 2019, 22h51

Em meio à crise, Bia Kicis diz que novo partido para ala bolsonarista do PSL “está sendo preparado”

Além disso, deputada federal revelou que foi dela a ideia de trocar Delegado Waldir por Eduardo Bolsonaro na liderança do partido na Câmara

Foto: Edison Rodrigues/Agência Senado

Em meio a uma crise no PSL que parece não ter fim, a deputada federal Bia Kicis (PSL-DF) afirmou, nesta quinta-feira (17), durante live nas redes sociais, que a ideia de trocar Delegado Waldir (PSL-GO) por Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) na liderança do partido na Câmara foi dela.

Além disso, a parlamentar declarou que se a crise no partido não tiver uma solução adequada, existe a possibilidade da criação de um novo partido para receber a ala bolsonarista do PSL.

“É complicada a criação de um novo partido, a gente precisa de milhões de assinaturas pelo Brasil. Mas isso está sendo preparado. A gente confia que algo de bom está para acontecer. Se o PSL não for refundado, com nova executiva, não restará outra saída”, reconheceu.

A deputada admitiu que existe o risco de o presidente deixar a sigla. “Para Bolsonaro ficar no partido, o PSL terá de atender algumas exigências do presidente”. Uma delas é a troca de Waldir por Eduardo. “É preciso que o povo que apoiou o Waldir caia na real. Com o Waldir, não dá”, disparou.

Fundão

“O Waldir não para de fazer estrago. O Edu não queria ser o líder, mas eu pressionei e ele imediatamente aceitou como uma missão. O presidente Bolsonaro também falou que o Eduardo não seria a melhor escolha, por ser filho dele, mas era o único nome que agregaria. Mesmo assim, algumas pessoas quiseram ficar do lado de lá por causa do fundão (partidário). A gente decidiu ficar com o Bolsonaro e se a gente deixar o PSL, não vamos levar nada desse fundão conosco”, destacou.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum