Fórumcast #19
31 de dezembro de 2017, 10h00

Em mensagem de fim de ano, Dilma pede união pela reconquista da democracia

Ex-presidenta postou recado, em que prega unidade pela volta da democracia: “Que em 2018 tenhamos uma eleição realmente livre. Livre de exclusões e livre de manobras políticas e judiciais com o objetivo de interditar candidatos”.

Ex-presidenta postou recado, em que prega unidade pela volta da democracia: “Que em 2018 tenhamos uma eleição realmente livre. Livre de exclusões e livre de manobras políticas e judiciais com o objetivo de interditar candidatos”.

Da Redação*

A ex-presidenta Dilma Rousseff postou mensagem de fim de ano, em que prega unidade pela volta da democracia. “Que em 2018 tenhamos uma eleição realmente livre. Livre de exclusões e livre de manobras políticas e judiciais com o objetivo de interditar candidatos”, deseja ela.

Ajude a Fórum a fazer a cobertura do julgamento do Lula. Clique aqui e saiba mais.

Acompanhe a íntegra da mensagem de Dilma:

Que 2018 seja o ano em que estaremos unidos pela recuperação do Brasil.

Que 2018 seja o ano da reconquista da democracia, da força do voto para garantir os nossos direitos.

Que em 2018 tenhamos uma eleição realmente livre. Livre de exclusões e livre de manobras políticas e judiciais com o objetivo de interditar candidatos.

Que em 2018 o presidente Lula possa concorrer. Que tenhamos força e unidade para construir um país melhor, ampliando de novo oportunidades para todos, em uma sociedade sem intolerância, sem misoginia e sem homofobia.

Veja também:  "Passaralho": ESPN demite 8 jornalistas; entre eles, Juca Kfouri

Um país mais civilizado, com valores éticos e morais baseados na valorização da cooperação e não da concorrência; um país realmente democrático.

Um 2018 de conquistas e vitórias para todas as brasileiras e todos os brasileiros.

*Com informações do Brasil 247

Foto: Cadu Gomes/Fotos Públicas

 

 


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum