Fórumcast, o podcast da Fórum
30 de julho de 2019, 07h16

Em português sofrível, Carlos Bolsonaro ordena: “Não sejamos pautados mais por essa mídia parcial”

Sem pontuação, Carlos Bolsonaro tenta dizer que é preciso desviar de narrativas criadas para tirar o foco dos feitos do governo. Seguidores apontaram o principal responsável: Seu pai

Carlos Bolsonaro faz compras durante férias nos EUA (Flickr/Família Bolsonaro)

As férias do vereador Carlos Bolsonaro (PSL-RJ) parecem ter chegado ao fim. Logo cedo, na manhã desta terça-feira (30), o filho 02 de Jair Bolsonaro retomou suas atividades no Twitter – após curta temporada de posts amenos – e ordenou em mensagem com português sofrível: “Não sejamos pautados mais por essa mídia parcial”.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo

Sem pontuação, Carlos busca dizer que é preciso desviar das narrativas que, segundo ele, estariam sendo criadas para tirar o foco dos feitos do governo de seu pai.

“As narrativas montadas para tirar o foco do que o Governo Bolsonaro vem construindo é a principal arma dos desinformantes e não podemos nos focar nelas sem parar como querem. Temos que mostrar as muitas coisas que têm sido feitas. Não sejamos pautados mais por essa mídia parcial (SIC)”, tuitou.

Os seguidores reagiram com ironia à publicação e apontaram o principal responsável pelas “narrativas”. “Pede para o teu pai calar a boca um pouquinho só”, tuitou Guga Stefanello.

“Valei-me. “As narrativas montadas”?. Foi montagem o lance lá do pai do rapaz da OAB?”, comentou a seguidora de perfilt Rede no Mato.

Veja mais repercussões


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum