Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
31 de julho de 2019, 17h15

Embaixada nos EUA: Juiz da Bahia intima Bolsonaro e Eduardo a darem explicações

O presidente e seu filho, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), têm 5 dias para se manifestarem sobre a intimação, resultado de uma ação popular que pede a anulação da indicação do parlamentar para a vaga de embaixador brasileiro nos EUA

Eduardo e o pai, Jair Bolsonaro - Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agencia Brasil

O presidente Jair Bolsonaro e seu filho, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), foram intimados nesta quarta-feira (31) a darem explicações sobre a indicação do parlamentar para o posto de embaixador do Brasil nos Estados Unidos. A intimação foi assinada pelo juiz André Jackson de Holanda Maurício Júnior, da 1ª Vara Federal da Bahia.

O magistrado estabeleceu, em sua decisão, que Bolsonaro e seu filho têm 5 dias, contando a partir desta quarta-feira, para se manifestarem sobre a intimação, resultado de uma Ação Popular movida pelo deputado Jorge Solla (PT-BA).

“O preenchimento de cargos relevantes como Chefe de Missão Diplomática Definitiva em território estrangeiro por parentes próximos do Chefe do Executivo, como por exemplo seus descentes (filho), violam todos os mandamentos constitucionais referentes à impessoalidade e à moralidade”, diz um trecho da ação popular.

Para que Eduardo Bolsonaro seja chancelado como embaixador do Brasil nos Estados Unidos, ele terá que ser aprovado pelo plenário do Senado após uma sabatina.

Chapeiro

Eduardo Bolsonaro, nas últimas semanas, virou motivo de piadas e memes nas redes sociais após usar o fato de que supostamente fritou hambúrgueres nos Estados Unidos durante um intercâmbio como qualificação para ser embaixador.

Seu inglês “manco” também foi motivo de deboche entre internautas.

Vou beneficiar meu filho, sim

Jair Bolsonaro, por sua vez, deixou de lado qualquer pudor e admitiu, de forma direta, que vai indicar seu filho para a embaixada dos EUA como forma de beneficiá-lo.

“Se eu puder dar o filé mignon para o meu filho, eu dou”, afirmou em uma transmissão ao vivo pelo Facebook.

A atitude do presidente tem sido interpretada como um gesto de nepotismo.

Trump aprova

Em entrevista concedida na Casa Branca, em Washigton, nesta terça-feira (30), o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, aprovou informalmente a indicação do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) para a vaga de embaixador do Brasil em seu país. A indicação foi anunciada recentemente pelo seu pai, o presidente Jair Bolsonaro.

“Eu conheço o filho dele [Jair Bolsonaro], e eu considero que o filho dele é extraordinário, um jovem brilhante, incrível, estou muito feliz pela indicação”, disse o mandatário estadunidense.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum