Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
02 de abril de 2019, 14h58

Empresário que diz apoiar Bolsonaro assume autoria de vídeo pró-ditadura divulgado pelo Planalto

Empresário diz que produziu o vídeo por sua sua iniciativa e com recursos próprios; deputados querem explicações do governo sobre divulgação em conta oficial do Planalto

Foto: Reprodução

Um empresário paulista, que se diz eleitor declarado do presidente Jair Bolsonaro, assumiu nesta terça-feira (2) ser o responsável pela gravação do vídeo que exalta o golpe e a ditadura militar e que foi divulgado pela Presidência da República no último domingo (31). A informação é do site Congresso em Foco.

Segundo nota enviada ao portal, Osmar Stabile diz que produziu o vídeo por sua sua iniciativa e com recursos próprios. O empresário afirma que é um “entusiasta do contragolpe preventivo”, pois, segundo ele, é “assim que boa parte que os historiadores sem ideologias pré-concebidas enxergam ‘1964’”.

O advogado Piraci Oliveira, que defende Stabile, afirma que seu cliente nunca esteve com Bolsonaro e que não enviou o vídeo para representantes do governo federal. “O vídeo foi encaminhado para grupo de amigos. Ele faz vídeos desse tipo. Não há qualquer relação com o governo. Ele nunca esteve com o presidente. Não há dinheiro público envolvido nem qualquer relação com o Estado”, diz Piraci.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum