Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
16 de junho de 2019, 15h46

Ex-diretora da Anac no governo petista é cotada para substituir Levy no BNDES

Solange Vieira trabalhou nos governos Lula e Dilma

Após a demissão de Joaquim Levy do cargo de presidente do BNDES, o governo federal corre atrás de um novo nome para ocupar a vaga. O ex-ministro da fazendo no governo Dilma Rousseff perdeu o seu posto após indicar um diretor para o banco que já havia trabalhado nas gestões do PT. Uma das candidatas que podem assumir a vaga deixada também atuou durante o período que o Partido dos Trabalhadores esteve no poder.

Funcionária de carreira do BNDES, Simone Vieira foi diretora-presidente da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) nos governos Lula e Dilma. Atualmente ela comanda a Superintendência de Seguros Privados do governo federal (Susep) e foi indicada para a função por Paulo Guedes, a quem é próxima. Por ser muito ligada ao banco, especula-se que ela não teria o perfil desejado por Bolsonaro, que é diminuir a importância da instituição na área de fomentos.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo

O BNDES não é bem visto pelo presidente da república, por isso seria difícil alguém de fora do governo ou que não tenha relação com o banco em aceitar a desafio. Outros nomes também estão sendo avaliados para assumir a vaga. Entre eles estão o do secretário de Produtividade e Emprego, Carlos da Costa, o do ex-presidente do Banco Central e presidente do Conselho de Administração do BNDES, Gustavo Franco, além de Salim Mattar, secretário de Privatizações.

A demissão de Joaquim Levy foi a 19ª baixa do governo Jair Bolsonaro em apenas um semestre. Antes da saída de Levy, o presidente da república fez questão de criticá-lo em público. “Essa pessoa, o Levy, já vem há algum tempo não sendo aquilo que foi combinado e aquilo que ele conhece a meu respeito”, pontuou.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum