Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
04 de fevereiro de 2020, 09h52

Frota diz que aproximação de Bolsonaro e Skaf é estratégia contra Lava Jato

O presidente da Fiesp é investigado pela Polícia Federal e acusado de ter recebido mais de R$ 6 milhões em propina

Paulo Skaf e Jair Bolsonaro (Reprodução/Redes sociais)

O deputado federal Alexandre Frota (PSDB-SP) foi às redes sociais nesta terça-feira (4) para insinuar que aproximação do presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf, com o presidente Jair Bolsonaro, é pautada por interesses particulares e políticos.

De acordo com Frota, Skaf busca em Bolsonaro uma proteção contra a Lava Jato, que o investiga por recebimento de propina após delação da Odebrecht.

“Bolsonaro almoçou ao lado de Paulo Skaf na Fiesp. O temor é que a proximidade do presidente com Paulo Skaf traga a Lava Jato para o seu colo. Delatado por Marcelo Odebrecht e outros quatro delatores, Skaf é investigado pela Policia Federal e acusado de ter recebido mais de R$ 6 milhões do setor de propinas da empreiteira”, escreveu o deputado.

O almoço citado por Frota aconteceu nesta segunda-feira (3), na sede da federação, na avenida Paulista. Além de Bolsonaro e Skaf, estavam presentes cerca de 250 empresários, com lotação máxima da casa. Enquanto isso, do lado de fora, na porta da entidade, a CUT (Central Única dos Trabalhadores) e outras centrais sindicais, como Força Sindical, UGT, CTB e CSB, fizeram um protesto por empregos e contra Bolsonaro.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum