Fórumcast, o podcast da Fórum
22 de abril de 2019, 08h53

Garis do Rio entram em greve; Justiça acata ação de Crivella, proíbe piquetes e manda que 60% trabalhem

Prefeito do Rio, Marcelo Crivella propôs aumento de 3,73%. Após dois meses de negociação, garis resolveram entrar em greve nesta segunda-feira (22)

Marcelo Crivella e Garis do Rio de Janeiro (Montagem)

Os garis da cidade do Rio de Janeiro iniciaram à zero hora desta segunda-feira (22) após rejeitar o aumento salarial de 3,73% oferecido pela Companhia Municipal de Limpeza Urbana (Comlurb).

A categoria reivindica um aumento de 10% nos salários e decidiu pela paralisação em assembleia realizada na quinta-feira (18), após dois meses de negociação com o prefeito, Marcelo Crivella (PRB).

Neste domingo, Crivella conseguiu na Justiça uma liminar que obriga 60% dos garis a trabalharem e proíbe piquetes durante a paralisação. A desobediência à decisão da Justiça será passível de multa de R$ 60 mil reais por dia.

Segundo o Sindicato dos Empregados de Empresas de Asseio e Conservação do Município do Rio de Janeiro (SEEACMRJ), “o entendimento do desembargador de plantão foi de que a situação de calamidade causada pelas fortes chuvas na cidade não pode prescindir do nosso trabalho nas ruas”.

O Sindicato estará em nova negociação com a Comlurb às 10h desta segunda-feira, quando espera avanços na proposta da empresa para os trabalhadores.


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum