Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
27 de dezembro de 2017, 09h59

Garotinho diz ter documentos provando acusações à Globo

Solto na semana passada após decisão do ministro Gilmar Mendes, o ex-governador do Rio de Janeiro publicou texto em seu blog em que afirma ter documentos que provam que a TV Globo pagou propina a dirigentes da Fifa, da CBF e da Concacaf

Por Redação 

O ex-governador do Rio de Janeiro Anthony Garotinho (PR) publicou um texto em seu blog, nesta terça-feira (26), em que diz ter documentos que provam que a TV Globo pagou propina a dirigentes da Fifa, da CBF e da Concacaf (federação de futebol da América Central e do Norte) para adquirir o direito de transmissão de eventos esportivos.

Ele estava preso, acusado de compra de votos nas eleições de 2012 e de receber dinheiro de caixa 2 no pleito de 2014, e foi solto na semana passada, após a aceitação de um recurso de sua defesa. Ele retomou as publicações de seu blog seis dias após deixar a cadeia, justamente com o texto em que promete divulgar os documentos que incriminariam a Globo.

Entre as provas que Garotinho diz ter, está um documento que mostraria a ligação entre a Globo e J. Hawilla, “que promete levar para a prisão outros dirigentes da entidade que comanda o futebol brasileiro e de outras federações, confederações e da própria Fifa”. A ligação entre Hawilla com a emissora estaria exposta em notações de pagamentos com a sigla “MCP”, que Garotinho diz ser uma referência ao ex-diretor da Globo. Marcelo Campos Pinto, e sociedades entre o empresário e a família Marinho.

Em nota, a emissora reafirmou seu “compromisso com relações éticas” nesse tipo de negociação e seu “total apoio às investigações e medidas judiciais que garantam a integridade e transparência no futebol”.

Confira o texto de Garotinho aqui.

 

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum