Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
12 de março de 2019, 11h13

General Heleno fala da “facada em Bolsonaro” ao comentar prisão de suspeitos de matar Marielle

Ministro do Gabinete de Segurança Institucional, Heleno disse que não tem dados suficientes para comentar a prisão dos supostos assassinos de Marielle e que vai aguardar a repercussão das investigações

Bolsonaro e o general Augusto, chefe do GSI (Foto: Valter Campanato/ Agência Brasil)

Reportagem da jornalista Andréia Sadi, no blog que mantém no G1, nesta terça-feira (12) informa que ao ser indagado sobre a prisão dos suspeitos de assassinarem a vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ) e o motorista Anderson Gomes, o ministro do Gabinete de Segurança Institucional, general Augusto Heleno, disse que não tem dados suficientes para comentar, e que vai aguardar a repercussão das prisões nas investigações.

Sobre se considerava positiva alguma resposta sobre o crime, um ano depois, o ministro respondeu: “Todos nós estamos esperando uma resposta, não só deste caso, como da facada em Jair Bolsonaro”.

Leia também: Bolsonaro mandou recado ao jornalista Chico Otávio ao atacar sua filha?

Policiais da Divisão de Homicídios e promotores do Ministério Público estadual do Rio de Janeiro prenderam, na manhã desta terça-feira (12), o policial militar reformado Ronnie Lessa, 48 anos, e o ex-policial militar Élcio Vieira de Queiroz, de 46 anos, apontados como suspeitos pelos assassinatos da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes.

Segundo as investigações, Ronnie fez os disparos contra a vereadora e Élcio dirigiu o carro usado para levar o executor.

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum