Gestão Doria-Covas foi a que menos investiu em São Paulo desde 2005

Prefeito gastou R$ 8,2 bilhões, quase metade do valor investido durante a gestão de Fernando Haddad. Gastos do tucano aumentaram perto das eleições

A gestão de João Doria e Bruno Covas, ambos do PSDB, foi a que menos investiu na cidade de São Paulo desde 2005. Segundo levantamento feito pelo jornal Folha de S.Paulo, gastos de Covas equivalem a quase metade do que foi investido durante a gestão de Fernando Haddad (PT).

Desde 2017, quando foi iniciada a gestão de Doria na capital paulista, até agora, com Covas no comando da cidade, foram investidos apenas R$ 8,2 bilhões em São Paulo.

Mesmo em valores corrigidos, o total é muito inferior ao que foi gasto em outras gestões. Fernando Haddad, por exemplo, investiu R$ 15,4 bilhões, Gilberto Kassab R$ 15,2 bilhões e José Serra/Kassab, R$ 10,4 bilhões.

A reportagem destaca ainda que os gastos foram aumentando conforme se aproximou o período eleitoral. Em 2017, o investimento foi de apenas R$ 1,5 bilhão. Este ano, mesmo com a pandemia do coronavírus, os gastos foram de R$ 2,2 bilhões.

Os investimentos englobam obras e outras melhorias para a cidade, com exceção de despesas fixas, como salários de funcionários e Previdência.

Em resposta aos dados, a gestão de Bruno Covas afirmou à Folha que os investimentos de 2020 serão de R$ 4,5 bilhões. “Esse ano a gente vai chegar a R$ 4,5 bilhões em investimentos com recurso da prefeitura, o maior valor dos últimos oito anos”, disse o tucano.

Avatar de Luisa Fragão

Luisa Fragão

Jornalista.