Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
30 de novembro de 2019, 07h00

Gilmar Mendes derruba liminar que paralisava investigações contra Flávio Bolsonaro

As investigações sobre o esquema de "rachadinha" comandado por Fabrício Queiroz no gabinete de Flávio na Alerj estavam paradas desde julho, quando Toffoli suspendeu o andamento de todos os casos que envolviam repasse de dados do Coaf

Flávio Bolsonaro com o ex-assessor Fabrício Queiroz - Foto: Reprodução

Gilmar Mendes, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), derrubou nesta sexta-feira (29) a liminar de Dias Toffoli que suspendia as investigações contra o senador Flávio Bolsonaro (Sem partido-RJ).

Em sua decisão, Mendes diz que a liminar determinava a suspensão das investigações até o julgamento da ação sobre a legalidade do compartilhamento de dados da Receita Federal em investigações policiais.

Nesta semana, o STF decidiu, por 9 votos a 2, que o compartilhamento de dados da Receita pode ser feito sem autorização da Justiça.

“Portanto, considerando que a decisão paradigma que estaria sendo descumprida pelo ato reclamado não mais subsiste, não há que se falar em violação à autoridade desta Corte, apta a ensejar o cabimento da presente reclamação”, afirma Gilmar.

As investigações sobre o esquema de “rachadinha” comandado por Fabrício Queiroz no gabinete de Flávio Bolsonaro na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) estavam paradas desde julho, quando Toffoli suspendeu o andamento de todos os casos que envolviam repasse de dados do Conselho de Atividades Financeiras (Coaf).

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum