#Fórumcast, o podcast da Fórum
03 de outubro de 2019, 07h24

Gilmar Mendes prepara processos contra servidores da Receita e se pauta por Vaza Jato

Reportagens do The Intercept Brasil revelaram conversas de procuradores de Curitiba falando sobre consultas informais da Receita a dados de autoridades

Foto: Rosinei Coutinho/SCO/STF

Depois da prisão de 14 auditores e analistas da Receita Federal, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes não deixa o assunto morrer e prepara processos contra os servidores que acessaram suas contas e as de sua esposa. A principal desconfiança do ministro está na possível relação irregular entre procuradores e a Receita, em especial à força-tarefa de Curitiba.

De acordo com Daniela Lima, da Folha de S.Paulo, a desconfiança do ministro tem se pautado por diálogos revelados pelo The Intercept Brasil, em reportagens que ficaram conhecidas por Vaza Jato. As conversas mostram procuradores de Curitiba falando sobre consultas informais da Receita a dados de autoridades.

O procurador Almir Sanches, da Lava Jato no Rio de Janeiro, disse que esperava, após a prisão do auditor Marco Aurelio da Silva Canal, uma retratação de Gilmar Mendes. Sanches disse nesta quarta que houve alarde “e diversas insinuações”.

Gilmar apontou Canal como o responsável pela produção de dossiês contra ele e sua mulher e outras 133 autoridades. Ele era supervisor nacional da Equipe Especial de Programação da Lava Jato, setor responsável por aplicar multas aos acusados por sonegação fiscal.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum